quarta-feira, 7 de dezembro de 2016

Moro, o Caçador de Corruptos, é só amor com Aécio (Furnas) e Serra (R$ 23 milhões) em festa da QuantoÉ


Para quem se diz empenhado numa cruzada para extirpar a corrupção do Brasil, são constrangedoras as fotos do juiz Sérgio Moro em companhia do senador Aécio Neves (com várias citações na Lava Jato e acusado pelo PGR Rodrigo Janot de participação na lista de Furnas) e do ministro José Serra, que teria abocanhado R$ 23 milhões da Odebrecht, também em citação da Lava Jato:

Executivos da Odebrecht afirmaram aos investigadores da Operação Lava Jato que a campanha do hoje ministro das Relações Exteriores, José Serra (PSDB-SP), à Presidência da República, em 2010, recebeu R$ 23 milhões da empreiteira via caixa dois.

Corrigido pela inflação do período, o valor atualmente equivale a R$ 34,5 milhões. [Fonte: Folha]

Sei que Moro não pode fazer nada contra Aécio ou Serra, pois, graças aos cargos, têm foro privilegiado e Moro é juiz de primeira instância. Mas que pega mal, pega. E reforça a imagem de tucano e parcial do juiz.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou? Comente. Gostou muito? Comente também. Encontrou algum erro? Aponte.
E considere apoiar o blog, divulgando-o ou com uma assinatura mensal (apenas R$ 10) clicando aqui: https://pag.ae/7UhFfRvpq ou uma doação direto na conta: Banco do Brasil. Antonio Mello agência: 0525-8 conta: 35076-1
Obrigado