quinta-feira, 16 de março de 2017

Gilmar Mendes recebeu para jantar MT, Mineirinho, Careca, Botafogo, Índio e Gripado. Só delatado


O ministro do STF e presidente do TSE (onde MT está sendo julgado) Gilmar Mendes recebeu para jantar uma turma da pesada nesta quarta em sua residência em Brasília.

A desculpa foi o aniversário do Careca, no próximo sábado. Mas também foi divulgado à imprensa que eles iriam debater a urgência de uma reforma política que defina como será a eleição do próximo ano.

Curioso é o presidente do Tribunal Superior Eleitoral convidar para conversar sobre reforma política pessoas delatadas (todas elas) pela Odebrecht (o ministro está na lista de Furnas) exatamente por malversação de verbas, corrupção e desvio de dinheiro público utilizado em campanhas políticas ou para enriquecimento próprio.

Seria mais ou menos como convidar para jantar o Marcola e o Fernandinho Beira Mar para discutir novas estratégias para o combate ao tráfico de drogas.

Este é o Brasil do golpe.

Para quem não ligou os apelidos aos nome dos convidados, vai aí a lista: MT é o golpista Temer. Careca é José Serra. Mineirinho é Aécio Neves. Botafogo é Rodrigo Maia. Índio é Eunício Oliveira. Gripado é Agripino Maia.

Só pelo que se tem conhecimento até agora são uns R$ 50 milhões desviados pela turma de convidados do ministro.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou? Comente. Gostou muito? Comente também. Encontrou algum erro? Aponte.
E considere apoiar o blog, divulgando-o ou com uma assinatura mensal (apenas R$ 10) clicando aqui: https://pag.ae/7UhFfRvpq ou uma doação direto na conta: Banco do Brasil. Antonio Mello agência: 0525-8 conta: 35076-1
Obrigado