domingo, 29 de outubro de 2017

Cardeais conservadores odeiam o Papa: 'Não vemos a hora de sua morte. É como Calígula; se tivesse um cavalo faria dele um cardeal'


Quem diria? O Papa Francisco, essa figura extremamente popular e carismática, talvez a única notícia boa dos últimos tempos, é odiado dentro de sua própria igreja por cardeais conservadores, que torcem por sua morte, o que vem ficando claro a cada dia.

Reportagem do jornal britânico The Guardian de sexta-feira trata desse ódio da ala conservadora pelo Papa, sus posições em favor dos menos favorecidos, seu apoio aos refugiados e migrantes, suas críticas ao capitalismo global e também posições quanto ao sexo e até o divórcio.

Mas, sob aparência de que o julgam por suas atitudes "populistas", o que parece incomodar mesmo os cardiais é a arejada e o novo direcionamento que o Papa está dando ao banco do Vaticano, sua crítica aos custos de uma canonização (santificar alguém está custando mais de 500 mil euros e sua denúncia à corrupção e lavagem de dinheiro pelo Banco...

Clique aqui e passe a receber notificações do Blog do Mello no seu WhatsApp
Você vai ser direcionado ao seu aplicativo e aí é só enviar e adicionar o número a seus contatos

O Papa Francisco é hoje um dos homens mais odiados do mundo. Aqueles que mais o odeiam não são ateus, protestantes, ou muçulmanos, mas alguns de seus próprios seguidores. 

Fora da igreja, o Papa é extremamente popular , masa dentro.... A partir do momento em que o cardeal Jorge Bergoglio se tornou Papa em 2013, seus gestos captaram a imaginação do mundo: o novo papa dirigiu um Fiat, carregou suas próprias malas e pagou suas próprias contas em hotéis; ele perguntou, sobre gays, "Quem sou eu para julgar?", e lavou os pés das mulheres muçulmanas refugiadas.

Mas dentro da igreja, Francisco provocou uma reviravolta feroz dos conservadores que temem que esse espírito divida a igreja e possa até destruí-la. Este verão, um proeminente sacerdote inglês disse ao repórter do Guardian: "Não vemos a hora de sua morte. É impublicável o que dizemos sobre ele em particular. Sempre que dois sacerdotes se encontram, eles falam sobre o horrível Bergoglio ... ele é como Caligula: se ele tivesse um cavalo, ele o tornaria cardeal. "Claro, depois de 10 minutos de queixa fluente, ele acrescentou:" Você não deve publicar isso ou eu vou ser demitido". [Fonte: The Guardian, onde você pode ler a matéria completa, em inglês]

 A importância dos Leitores  

No mundo inteiro, a comunicação alternativa e os sites de esquerda estão sob ataque dos governos e da mídia corporativa. Para enfrentar esse cerco é fundamental a participação ativa dos leitores:
  • compartilhando as postagens nas redes sociais
  • fazendo uma assinatura
Participe. Compartilhe os textos em suas redes. E faça uma assinatura. É seguro, rápido e fácil. Todos os cartões são aceitos e você pode cancelar a assinatura a qualquer momento. Apenas R$10. Assine

Um comentário:

  1. Se um Papa conservador assumir o poder em Roma, será a rápida extinção da Igreja Católica.

    ResponderExcluir

Gostou? Comente. Gostou muito? Comente também. Encontrou algum erro? Aponte.
E considere apoiar o blog, divulgando-o ou com uma assinatura mensal (apenas R$ 10) clicando aqui: https://pag.ae/7UhFfRvpq ou uma doação direto na conta: Banco do Brasil. Antonio Mello agência: 0525-8 conta: 35076-1
Obrigado