segunda-feira, 9 de outubro de 2017

Desculpa da Dove sobre seu anúncio racista é como a de Cháves: 'Foi sem querer querendo'


Mais uma vez a Dove vem com um anúncio racista e em seguida pede desculpas, afirmando não ter sido essa a intenção.

Difícil acreditar que uma empresa gaste milhões em propaganda, que inclui pesquisa, rascunhos, incontáveis reuniões e depois pesquisa para ver o resultado do anúncio. Tudo isso antes do anúncio ir para as ruas.

Será que ninguém durante todo esse processo alertou a Dove sobre o racismo explícito na peça? Difícil acreditar.


Ainda mais que um anterior anúncio da mesma Dove sofrera as mesmas críticas.



E ainda há mais.

Também em 2015, um produto da marca anunciava em sua etiqueta que podia ser usado por pessoas com "peles normais e negras". [Fonte: El Pais]

A desculpa é cascata e não cola. A empresa fez sua avaliação de risco e concluiu que ganhava mais do que perdia com o anúncio e fez sua aposta. Sabia que era racista e mesmo assim seguiu em frente.

Apenas um boicote completo à marca pode fazer com que não venham a repetir o racismo no futuro. Se houver futuro para a marca.


Ajude o Mello a tocar o blog. Faça uma assinatura. É seguro, rápido e fácil
Apenas R$ 10. Todos os cartões são aceitos. Você pode cancelar a assinatura a qualquer momento


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou? Comente. Gostou muito? Comente também. Encontrou algum erro? Aponte.
E considere apoiar o blog, divulgando-o ou com uma assinatura mensal (apenas R$ 10) clicando aqui: https://pag.ae/7UhFfRvpq ou uma doação direto na conta: Banco do Brasil. Antonio Mello agência: 0525-8 conta: 35076-1
Obrigado