terça-feira, 26 de março de 2019

Maia diz que vai barrar pedido de impeachment do presidente e pauta-bomba. Eduardo Cunha dizia a mesma coisa



Parece replay, mas não é. Nem se sabe se o final será o mesmo. Mas o atual presidente da Câmara, Rodrigo Maia, afirmou ontem que não vai acatar nenhum pedido de impeachment contra Bolsonaro nem vai usar de pautas-bomba, que possam dificultar o governo.

Exatamente como o fez o antigo presidente da Câmara, Eduardo Cunha, quando a presidente da República era a presidenta Dilma Rousseff.

Cunha afirmou categoricamente que não iria aceitar pedido de impeachment de Dilma. Nem usar de pautas-bomba. Confira no vídeo, uma entrevista de Cunha ao Roda Viva,

A História mostra que não foi bem assim. E agora, será diferente?


Com seu apoio o Blog do Mello é e vai continuar a ser de livre acesso a todos, e sem propaganda.



Para receber notificações do Blog do Mello no seu WhatsApp clique aqui
Você vai ser direcionado ao seu aplicativo e aí é só enviar e adicionar o número a seus contatos


Assine a newsletter do Blog do Mello

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou? Comente. Gostou muito? Comente também. Encontrou algum erro? Aponte.
E considere apoiar o blog, divulgando-o ou com uma assinatura mensal (apenas R$ 10) clicando aqui: https://pag.ae/7UhFfRvpq ou uma doação direto na conta: Banco do Brasil. Antonio Mello agência: 0525-8 conta: 35076-1
Obrigado