sexta-feira, 7 de setembro de 2007

Dicas para assistir vídeos na internet

Vou aproveitar que algumas pessoas encontraram dificuldades para assistir a determinados vídeos para uma pequena explicação.

A não ser quando há quebra de link e o vídeo não está mais disponível – o que geralmente é informado pelo provedor do serviço – o que acontece, na maioria das vezes, está relacionado a três tipos de problemas:

  1. velocidade da conexão (se discada, se banda larga – dentro desta, seu tamanho e qualidade);
  2. quantidade de tráfego na rede, o que provoca congestionamentos, como no trânsito comum;
  3. qualidade do trio: processador, placa de vídeo e memória ram de quem deseja assistir ao vídeo.

Portanto, se você se deparar com um vídeo travando a todo o momento (problema mais comum), baixe o arquivo para seu computador e assista-o mais tarde. O problema vai desaparecer, a menos que seu equipamento esteja completamente defasado.

Para baixar os vídeos é muito fácil. Se você navega com o Internet Explorer (ou ao menos se ele estiver instalado em seu computador) use-o para ir à página onde está o vídeo. Dê um clique no botão do player (seja do Youtube, do Google vídeo etc) e depois, esqueça. Você não precisa nem ficar assistindo àquele vídeo pulando e travando à sua frente. Clique na pausa e deixe rolar (repare no Youtube, por exemplo, que, embora em pausa, a linha vermelha se movimenta no player. Ela indica que o filme está baixando em streaming).

Minimize seu Internet Explorer onde está rolando o vídeo e deixe-o quieto. Agora vá ao ícone onde você costuma clicar para abrir o IE e clique para abri-lo novamente (sem fechar aquele onde está o vídeo, e que você deixou minimizado na barra de tarefas, na parte de baixo da tela do computador). Com isso você vai poder continuar a navegar pela internet, enquanto aquele vídeo “desce”. Se você usa a versão 7 do IE, não precisa fazer isso, basta abrir uma nova aba e deixar a anterior no vídeo.

Meia hora depois (em geral, esse tempo basta, mas se for um vídeo de uma hora ou mais, aumente o tempo para mais que isso), vá até a pasta Temporary Internet Files de seu computador, que o vídeo estará lá. Se for do Youtube, ele começará assim “get_video” (sem as aspas). Clique nele com o botão direito do mouse e escolha a opção Copiar. Cole-o então na pasta em que você quiser que ele fique. Novamente com o botão direito do mouse escolha Renomear. Dê o nome que quiser a ele e coloque ao final .flv. Exemplo: seuvideo.flv

Agora você vai precisar de um player para assistir ao vídeo (Winamp, Windows Media etc. não tocam). Eu uso o Bit Comet, que é pequeno (menos de 300 KB) e você pode baixá-lo aqui.

Firefox

Se você – como eu – usa o Firefox, instale a extensão videodownloader, embora eu, pessoalmente, prefira abrir o IE e fazer o procedimento acima, porque às vezes o videodownloader diz que não reconhece o arquivo.

ATUALIZAÇÃO IMPORTANTE: Já existe uma forma mais prática de baixar os vídeos. É só ir a este endereço e colocar a url do vídeo que quer baixar.

(Obs: Se você sabe de um modo melhor e mais prático, se tem como colaborar, fique à vontade. Se tem correções a fazer, agradeço. Se ficou com dúvidas, mande-as pra cá. Não sou especialista - longe disso -, mas, felizmente, o blog é mais do que eu)

Clique aqui e receba gratuitamente o Blog do Mello em seu e-mail

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou? Comente. Encontrou algum erro? Aponte.
E considere apoiar o blog, um dos poucos sem popups de anúncios, que vive apenas do trabalho do blogueiro e da contribuição dos leitores.
Colabore via PIX pela chave: blogdomello@gmail.com
Obrigado.