terça-feira, 14 de março de 2017

TSE censura delação. Está proibido dizer que Aécio Tarja Preta e PSDB receberam R$ 9 milhões da Odebrecht. Ih, falei!


A pedido da defesa do PSDB e de Aécio Neves, o ministro do TSE Herman Benjamin mandou censurar todo o trecho em que o ex-presidente da Construtora Norberto Odebrecht Benedicto Júnior delatou que o PSDB e Aécio receberam R$ 9 milhões em propina da Odebrecht.

O juiz determinou que trecho do depoimento do ex-presidente da Construtora Norberto Odebrecht Benedicto Júnior referente à chapa do então candidato tucano à Presidência, senador Aécio Neves (MG), seja "tarjado" nas transcrições que constarão nos autos da ação sobre a chapa de Dilma Rousseff (PT) e Michel Temer (PMDB). [ Fonte: Estadão]

O Aécio é mesmo um perdedor. Não dá uma dentro. Foi dele a iniciativa de entrar no TSE com um processo de impugnação contra a chapa Dilma-Temer.

Deu ruim, porque agora as acusações se voltam contra ele e o partido que preside e eles resolvem apelar para o golpe baixo da censura.

Hipocrisia mode on.





Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou? Comente. Gostou muito? Comente também. Encontrou algum erro? Aponte.
E considere apoiar o blog, divulgando-o ou com uma assinatura mensal (apenas R$ 10) clicando aqui: https://pag.ae/7UhFfRvpq ou uma doação direto na conta: Banco do Brasil. Antonio Mello agência: 0525-8 conta: 35076-1
Obrigado