quinta-feira, 19 de outubro de 2017

Dona do projeto de ração que Doria vai botar na merenda das crianças diz que 'A prefeitura não vai colocar nenhum recurso'. É mentira


O prefeito de São Paulo João Trabalhador Doria, que havia recuado da ideia de distribuir a tal ração para os pobres, voltou atrás novamente e agora vai distribuí-la na merenda das escolas públicas do município.

Precisa explicar como, porque a fundadora da empresa que criou o projeto, Rosana Perrotti, não tem a menor ideia de como vai produzir (ela não tem fábrica) ou distribuir o produto, segundo informou à Agência Brasil.


Mas ela começa mal ao dar uma declaração mentirosa:

A prefeitura não vai colocar nenhum recurso. O que vai fazer é reduzir seus custos, inclusive na área de saúde e educação, porque, se elevamos o nível da nutrição, vamos ter melhor resultado educacional e de saúde.

Como se vê, é lero, embromation - talvez por isso seja tão apreciada pelo prefeito. Já mostrei aqui que a prefeitura vai botar dinheiro, sim, e não vai ser pouco e isso fica claro na própria lei que criou o projeto:

Para os fins de que trata esta lei, são aplicáveis os seguintes incentivos:

I - creditícios, compreendendo a concessão de financiamentos em condições favorecidas, admitindo-se créditos a título não reembolsável;

II - programas de financiamento e incentivo à pesquisa e desenvolvimento de tecnologias, métodos, processos e equipamentos, para garantir que os alimentos cumpram com sua função social;

III - isenção de Imposto sobre Serviços (ISS), Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU);

IV - outros incentivos fiscais. [Fonte: Legislação Municipal de São Paulo]

Como se vê, é do bolso do contribuinte que vai sair a grana para montar a fábrica (incentivos I e II), com isenção de impostos municipais (item III) e tudo o mais que a madame necessitar (item IV). Porque a madame só entra com a ideia e a prefeitura com o resto.


Ajude o Mello a tocar o blog. Faça uma assinatura. É seguro, rápido e fácil
Sua assinatura faz a diferença e ajuda a manter o blog

Apenas R$ 10. Todos os cartões são aceitos. Você pode cancelar a assinatura a qualquer momento


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou? Comente. Gostou muito? Comente também. Encontrou algum erro? Aponte.
E considere apoiar o blog, divulgando-o ou com uma assinatura mensal (apenas R$ 10) clicando aqui: https://pag.ae/7UhFfRvpq ou uma doação direto na conta: Banco do Brasil. Antonio Mello agência: 0525-8 conta: 35076-1
Obrigado