quarta-feira, 25 de outubro de 2017

Governo Temer iria lançar campanha comparando Dilma a Felipão e Temer a Tite. Ameaças de processo travaram a campanha


A ideia dos publicitários que tentam melhorar a imagem de Temer (enquanto Temer não se cansa de piorá-la no dia-a-dia) era mostrar que o Brasil estava uma bomba com Dilma (Felipão) e que com a entrada de Temer (Tite) tudo mudou. Agora o país estaria, como a seleção, no rumo certo, fazendo a coisa certa e o povo feliz.

Só esqueceram de combinar com três personagens principais desse enredo: Felipão, Tite e o povo. Tite e Felipão ameaçaram processar o governo por uso de suas imagens. O povo, bem, o povo está em lua de mel com a seleção brasileira de futebol e desaprova Temer e sua seleção de corruptos com 97%.


A expectativa do governo era lançar uma campanha completa, que seria veiculada nos meios tradicionais (jornais, revistas, outdoors) e digitais (sites, Twitter, Facebook, Instagram). Na peça apareceria a imagem do ‘gaúcho da copa’, que ficou famoso ao chorar na derrota do Brasil por 7 a 1 para a Alemanha. Ele morreu em 2015.
A campanha era inspirada na derrota do Brasil por 7 a 1 para a Alemanha e na reviravolta do time com a mudança do técnico. A ideia é sugerir que Dilma é o Felipão; Temer o Tite. [Fonte: Estadão]

Ajude o Mello a tocar o blog. Faça uma assinatura. É seguro, rápido e fácil
Sua assinatura faz a diferença e ajuda a manter o blog

Apenas R$ 10. Todos os cartões são aceitos. Você pode cancelar a assinatura a qualquer momento


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou? Comente. Gostou muito? Comente também. Encontrou algum erro? Aponte.
E considere apoiar o blog, divulgando-o ou com uma assinatura mensal (apenas R$ 10) clicando aqui: https://pag.ae/7UhFfRvpq ou uma doação direto na conta: Banco do Brasil. Antonio Mello agência: 0525-8 conta: 35076-1
Obrigado