sexta-feira, 17 de novembro de 2017

Secretário de Cultura do Rio de Janeiro chama Bertolt Brecht de Bertoldo Brecha em discurso na Câmara



O secretário de Cultura do Rio de Janeiro envergonhou duas vezes a cultura do estado: uma ao defender na Câmara a soltura dos deputados presos - Picciani, Paulo Melo e Albertassi - e a segunda ao citar o dramaturgo Bertolt Brecht e confundi-lo com Bertoldo Brecha, personagem da Escolinha do Professor Raimundo.

Repare no vídeo que não foi um ato falho, ou lapso do secretário de Cultura, mas ignorância mesmo. Tipo de ignorância inadmissível num secretário de Cultura...

O povão partiu pra cima:





Clique aqui e passe a receber notificações do Blog do Mello no seu WhatsApp
Você vai ser direcionado ao seu aplicativo e aí é só enviar e adicionar o número a seus contatos

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou? Comente. Gostou muito? Comente também. Encontrou algum erro? Aponte.
E considere apoiar o blog, divulgando-o ou com uma assinatura mensal (apenas R$ 10) clicando aqui: https://pag.ae/7UhFfRvpq ou uma doação direto na conta: Banco do Brasil. Antonio Mello agência: 0525-8 conta: 35076-1
Obrigado