segunda-feira, 20 de agosto de 2018

Ministra Cármen Lúcia vai deixar grevistas morrerem de fome mas não vai botar em votação as ADCs da 2ª instância

Cármen Lúcia

É o que parece. Mesmo tendo recebido uma comissão em que um dos grevistas esteve presente, a ministra Cármen Lúcia até o momento não sinalizou que irá botar em votação as Ações Declaratórias de Constitucionalidade (ADCs) que questionam a prisão em segunda instância, contra a letra expressa da Constituição, que diz "que ninguém será considerado culpado até o trânsito em julgado de sentença penal condenatórias".

As duas ADCs foram liberadas para julgamento pelo ministro Marco Aurélio Mello em dezembro e cabe à presidência do STF colocá-las em julgamento. Acontece que hoje há maioria no Supremo em favor da volta à letra da Lei Maior, mas Cármen Lúcia é contra, por isso não a coloca em votação.

Nem que os grevistas morram diante do Supremo, ministra? A greve entra hoje em seu vigésimo dia.

Pior que há quem critique os grevistas pela greve e até o presidente Lula, que já se manifestou contrariamente a ela por motivo religioso (embora tenha feito uma).

Têm que criticar a ministra que não coloca as ADCs em pauta, embora saiba que mais dia menos dia elas serão votadas. Só não quer deixar que o sejam agora porque permitiram a liberdade de Lula.



Clique aqui e passe a receber notificações do Blog do Mello no seu WhatsApp
Você vai ser direcionado ao seu aplicativo e aí é só enviar e adicionar o número a seus contatos

Assine a newsletter do Blog do Mello

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou? Comente. Gostou muito? Comente também. Encontrou algum erro? Aponte.
E considere apoiar o blog, divulgando-o ou com uma assinatura mensal (apenas R$ 10) clicando aqui: https://pag.ae/7UhFfRvpq ou uma doação direto na conta: Banco do Brasil. Antonio Mello agência: 0525-8 conta: 35076-1
Obrigado