terça-feira, 23 de abril de 2019

Com a primavera, Lula fora da cadeia, em regime semiaberto ou domiciliar

Lula primavera

Após o terceiro juiz decidir por reduzir a pena de Lula para 8 anos e 10 meses, o presidente poderá se beneficiar de prisão domiciliar ou do regime semiaberto, já em setembro, por cumprimento de um sexto da pena.

O relator, ministro Felix Fisher, foi o primeiro a dar seu voto pela redução, seguido por Jorge Mussi e pelo presidente da 5ª turma do STJ, Reynaldo Soares.Por fim, o quarto ministro a julgar confirmou a nova sentença por unanimidade.

Contrariando alguns dos mais importantes juristas do mundo e do Brasil, o STJ, terceira instância do Judiciário, manteve a condenação de Lula no caso do tríplex, mas reduziu a pena.

Foi reduzida também a multa que Lula teria de pagar, de mais de R$ 29 milhões para 10% disso.

Quem acompanha o blog, sabe que por aqui não se esperava outra coisa, porque o golpe não pode deixar Lula livre pelo Brasil, pois cai no outro dia.

Segue o golpe, mas, pelo menos, vai minorar o sofrimento do presidente Lula, que vai poder ter contato com a família e amigos, bem na primavera, o que me fez lembrar de uma frase sempre usada por Lula, desde seus primeiros comícios pelo Brasil:

- Eles podem cortar todas as flores, mas não podem impedir a primavera - frase atribuída por uns a Neruda e a outros por Guevara, ótimas companhias para Lula.

Com seu apoio o Blog do Mello é e vai continuar a ser de livre acesso a todos, e sem propaganda.



Para receber notificações do Blog do Mello no seu WhatsApp clique aqui
Você vai ser direcionado ao seu aplicativo e aí é só enviar e adicionar o número a seus contatos


Assine a newsletter do Blog do Mello

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou? Comente. Gostou muito? Comente também. Encontrou algum erro? Aponte.
E considere apoiar o blog, divulgando-o ou com uma assinatura mensal (apenas R$ 10) clicando aqui: https://pag.ae/7UhFfRvpq ou uma doação direto na conta: Banco do Brasil. Antonio Mello agência: 0525-8 conta: 35076-1
Obrigado