terça-feira, 2 de julho de 2019

Por que Bolsonaro ainda não demitiu o ministro do Turismo? Isto talvez explique

Bolsonaro em campanha com Marcelo Alvaro Antonio

Na semana passada,  a PF prendeu um assessor especial e dois outros ex-assessores do ministro do Turismo Marcelo Álvaro Antônio, todos envolvidos no famoso caso do laranjal do PSL, partido do ministro e de Bolsonaro.

A acusação é que, durante a campanha eleitoral, verbas destinadas a candidatas mulheres do partido eram devolvidas para a campanha do atual ministro, candidato a deputado federal, eleito.

A denúncia foi feita pelas próprias candidatas. A PF está comprovando tudo.

Por que então Bolsonaro, que dizia que seria intransigente com a corrupção, ainda não demitiu o ministro?

Talvez o vídeo a seguir explique. É uma postagem no Twitter do atual ministro na época da campanha, com sua dobradinha com Bolsonaro.

Se o dinheiro desviado irrigou a campanha do atual ministro e de quebra acabou irrigando a de Bolsonaro também nas dobradinhas a casa cai para o presidente também.


Siga o Blog do Mello no Twitter: @blogdomello  No Instagram: @blogdomello


Com seu apoio o Blog do Mello é e vai continuar a ser de livre acesso a todos, e sem popups de propaganda




Leia também:
Para receber notificações do Blog do Mello no seu WhatsApp clique aqui
Você vai ser direcionado ao seu aplicativo e aí é só enviar e adicionar o número a seus contatos


Assine a newsletter do Blog do Mello

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou? Comente. Gostou muito? Comente também. Encontrou algum erro? Aponte.
E considere apoiar o blog, divulgando-o ou com uma assinatura mensal (apenas R$ 10) clicando aqui: https://pag.ae/7UhFfRvpq ou uma doação direto na conta: Banco do Brasil. Antonio Mello agência: 0525-8 conta: 35076-1
Obrigado