quarta-feira, 4 de setembro de 2019

Plano Moro de segurança é um blefe. Mesmo se der 100% certo só reduz crimes violentos no país em 1,9%

Moro

Lançado com o objetivo de tirar Moro das cordas da Vaza Jato, programa anticrime é um balão de ensaio destinado ao fiasco, ainda que dê 100% certo


O ministro da Justiça Sergio Moro anunciou seu plano de segurança pública, depois de oito meses de governo.
O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, anunciou as cinco primeiras cidades que integrarão o projeto-piloto do Programa Nacional de Enfrentamento à Criminalidade Violenta. O projeto, que pretende reduzir os crimes violentos nas cidades com maiores índices de homicídios, será implementado em Ananindeua (PA), Goiânia (GO), Paulista (PE), Cariacica (ES) e São José dos Pinhais (PR).
O anúncio foi feito, hoje (15), após o ministro se reunir com representantes dos estados, dos municípios e com integrantes da força tarefa que atuaram no projeto.
“Foram escolhidos cinco municípios. O critério principal adotado foram os altos índices de crimes violentos, no caso, assassinatos nesses municípios, aliados a outros fatores específicos relacionados especialmente à questão de ser um projeto-piloto. Portanto, trata-se ainda de uma experiência em desenvolvimento. Se bem-sucedido, o projeto será expandido a outros municípios”, explicou o ministro.
Ananindeua apresentou, em 2017, uma taxa de homicídio de 68,20 mortes por 100 mil habitantes. Em Goiânia, no mesmo ano, esse índice estava em 33,62, enquanto em Paulista, estava em 47,40 homicídios por 100 mil pessoas. Em São José dos Pinhais, estava em 40,18; e em Cariacica, 42,35. [Fonte: Agência Brasil]
Fiz umas continhas básicas com as cinco cidades escolhidas.
  1. Ananindeua tem 525 mil habitantes e índice de 68,2 mortes violentas por 100 mil, o que dá aproximadamente 360 por ano.
  2. Goiânia tem 1,3 milhão de habitantes, índice 33,62 por 100 mil, o que dá aproximadamente 430 por ano.
  3. Paulista tem 300 mil, índice 47,4 por 100 mil, o que dá aproximadamente 140.
  4. São José dos Pinhais tem 323 mil, índice 40,18 por 100 mil, aproximadamente 130 por ano.
  5. Cariacica tem 387 mil habitantes, índice de 42,35 por 100 mil, o que dá aproximadamente 160 mortes por crimes violentos por ano.
Somando as mortes nas cinco cidades temos um número aproximado de 1220 mortes.

Para termos de comparação: Os mesmos dados usados para a definição das cinco cidades escolhidas, que são de 2017, mostram que houve 63.880 mortes por crimes violentos no Brasil naquele ano.

Portanto, se o plano Moro der 100% certo e não houver um crime violento sequer nas cinco cidades do programa durante um ano (alguém acredita nisso?) a violência no país cai apenas 1,9%.
Na verdade, um governo que foi eleito prometendo combater a corrupção e dar um jeito na segurança pública tem se revelado um fiasco também nessas duas áreas.

Reportagens da Vaza Jato mostram que a corrupção estava dentro da Operação Lava Jato, com vazamentos ilegais, direcionamento de investigações, suspeitos que "não vieram ao caso" (como FHC e Silvio Santos, por exemplo).

Na segurança pública a única mudança efetiva tomada foi a liberação das armas, contra a vontade de mais de 60% dos brasileiros, e que só tende a agravar a violência.

Agora, com o plano de Moro temos uma transposição do fracassado plano das UPPs do Rio de Janeiro para as cinco cidades.

A primeira consequência disse será a migração dos crimes e criminosos para as cidades vizinhas, como aconteceu no Rio com as UPPs, que aumentaram a violência nas comunidades e cidades ao redor do Rio.

Quem não se recorda dos criminosos fugindo com seus fuzis, quando da ocupação da Vila Cruzeiro?




Mais um número para comparar com a redução de mortes por crimes violentos do programa Moro. Se ninguém for morto nas cinco cidades por um ano são 1220 mortes a menos. Só este ano, a polícia do Rio matou 1075 pessoas, até julho, média de cinco por dia [Estadão], o que deve dar um número maior que o de Moro ao final de um ano (153 dias vezes 5 mortos = 765 a mais, o que dá, no total, 1840 mortes pela polícia).

Ajude o Mello a tocar o blog. Faça uma assinatura. É seguro, rápido e fácil
Sua assinatura faz a diferença e ajuda a manter o blog
Apenas R$ 10. Todos os cartões são aceitos. Você pode cancelar a assinatura a qualquer momento




Leia também:
Para receber notificações do Blog do Mello no seu WhatsApp clique aqui
Você vai ser direcionado ao seu aplicativo e aí é só enviar e adicionar o número a seus contatos


Assine a newsletter do Blog do Mello

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou? Comente. Gostou muito? Comente também. Encontrou algum erro? Aponte.
E considere apoiar o blog, divulgando-o ou com uma assinatura mensal (apenas R$ 10) clicando aqui: https://pag.ae/7UhFfRvpq ou uma doação direto na conta: Banco do Brasil. Antonio Mello agência: 0525-8 conta: 35076-1
Obrigado