segunda-feira, 14 de dezembro de 2020

Aprovação de Bolsonaro é produto da mídia corporativa, seu jornalismo declaratório e de 'resultados', e do trabalho nas redes sociais


Um dia após publicar editorial descendo o pau em Bolsonaro (como mostrei aqui), a Folha dá manchete de primeira página para pesquisa do Datafolha que mostra continuidade de sua aprovação em meio à sua criminosa gestão.
 
"Bolsonaro segura aprovação, e maioria o isenta por mortes", diz manchete.
 
O que acontece então? O bolsomíniom acuado, que vê o aumento das mortes, o país sem vacinas, e familiares, colegas de trabalho etc criticarem o presidente, passa a se sentir acolhido e sua vozinha reacionária encontra eco na aprovação de outros revelada pelo Datafolha.
 
Qual a informação mais pertinente para 90% dos brasileiros: o editorial furibundo de domingo ou a manchete da capa de segunda?
 
Não defendo que não se dê a notícia, mas que ela receba, por exemplo, a mesma atenção que o aniversário de dois anos do HC pedindo a anulação do julgamento de Lula por Moro, que descansa no STF sem ir a julgamento. 
 
Alguém viu manchete de primeira página sobre isso? No entanto, Lula é o presidente mais bem avaliado pelo brasileiro, segundo pesquisa do próprio Datafolha...
 
Além disso, o jornalismo declaratório publica as falas de Bolsonaro, por mais loucas que sejam, com destaque, nos títulos, sem contestação. Por exemplo: Bolsonaro disse que a pandemia está no finalzinho. É mentira, mas os partidários do presidente só precisam disso. Afinal, é a "palavra do presidente". Então saem pra rua sem máscara, abraçando o capeta e disseminando o vírus.
 
Aí entra o jornalismo "de resultado", copiado do antigo futebol de resultados de triste memória. Atacam Bolsonaro no editorial num dia e dão uma manchete de primeira página positiva no outro. Dão uma de jornalismo imparcial, para continuar a receber grana do governo federal e suas empresas. Jogam em busca de resultado.
 
Paralelo a isso, há o eficiente trabalho da equipe bolsonarista nas redes sociais, que ainda não encontrou resposta à altura da oposição, que vive brigando entre si.
 
Enquanto isso, o vírus se espalha e as pessoas morrem.




Para receber notificações do Blog do Mello no seu WhatsApp clique aqui

Você vai ser direcionado ao seu aplicativo e aí é só enviar e adicionar o número a seus contatos




Recentes:


Assine a newsletter do Blog do Mello.
É grátis.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou? Comente. Gostou muito? Comente também. Encontrou algum erro? Aponte.
E considere apoiar o blog, divulgando-o ou com uma assinatura mensal (apenas R$ 10) clicando aqui: https://pag.ae/7UhFfRvpq ou uma doação direto na conta: Banco do Brasil. Antonio Mello agência: 0525-8 conta: 35076-1
Obrigado