sábado, 26 de fevereiro de 2022

Biden joga gasolina na fogueira: 250 milhões de dólares em assistência militar para a Ucrânia


A informação é da Agência Italiana de Notícias, ANSA [imagem]. O presidente dos EUA Joe Biden publicou um memorando no qual "ele delega ao Secretário de Estado a prestação de assistência militar imediata à Ucrânia".

São 250milhões de dólares, e nós sabemos o que se esconde sob o eufemismo de "assistência militar"...

Os senhores da guerra, que vivem para sustentar sua altamente lucrativa indústria bélica, que se alimenta de guerras pelo mundo, usa o povo ucraniano de bucha de canhão, ante a desproporcionalidade de forças entre o poderio da Ucrânia e o da Rússia.

Enquanto até o Talibã prega diálogo (confira aqui em Talibã pede moderação no conflito na Ucrânia e 'que resolvam a crise através do diálogo e de meios pacíficos'), os Estados Unidos querem fustigar a Rússia e vender a guerra.

Confira na imagem a seguir a lista dos países atacados pelos Estados Unidos, a partir de 1950.


Assine o Blog do Mello





Para receber notificações do Blog do Mello no seu WhatsApp clique aqui
Você vai ser direcionado ao seu aplicativo e aí é só enviar e adicionar o número a seus contatos



Recentes:


Um comentário:

  1. Os EUA -- através de seu marionete, a OTAN -- estava armando o governo nazi da Ucrânia. A Rússia teria ogivas na frente de sua porta. Putin fez muito bem de dar um basta.

    ResponderExcluir

Gostou? Comente. Encontrou algum erro? Aponte.
E considere apoiar o blog, um dos poucos sem popups de anúncios, que vive apenas do trabalho do blogueiro e da contribuição dos leitores.
Colabore via PIX pela chave: blogdomello@gmail.com
Obrigado.