terça-feira, 11 de dezembro de 2018

Casa modesta do motorista do cheque para mulher de Bolsonaro mostra o que seu silêncio tenta esconder: o milhão não era dele

Caso do policial militar que trabalha para os Bolsonaro

A sabedoria popular diz que quem cala consente. Diz também que o silêncio vale ouro.

Também na alta filosofia uma frase sobre a importância do silêncio. É de Wittgenstein: "Sobre aquilo de que não se pode falar, deve-se calar".

Toda essa introdução é apenas para dizer que o silêncio do policial motorista dos Bolsonaro Fabrício José Carlos de Queiroz sobre o cheque de R$ 24 mil para a mulher de Bolsonaro e a movimentação de dinheiro em sua conta, incompatível com sua renda, é porque ele não sabe, não pode, não tem como, nem deve falar sobre o que ocorreu.

Hoje, reportagem do Globo mostra o motivo do silêncio do policial militar, que dura cinco dias. Embora tenha movimentado em um ano R$1,2 milhão em sua conta corrente, e receba junto com a mulher e as duas filhas quase R$ 50 mil em salários como funcionários em gabinetes de Jair e Flávio Bolsonaro, Queiroz mora em uma casa modesta em um beco de um local simples na Taquara, Zona Oeste do Rio [imagem].

Fica cada vez mais evidente que os Bolsonaro podem ter usado esquema semelhante ao de Geddel Vieira (aquele das malas em apartamento com mais de R$ 50 milhões) e irmão, que ficavam com a maior parte dos salários dos funcionários que empregavam com suas cotas parlamentares.

Cada parlamentar tem mais de R$ 100 mil por mês para gastar com até 25 funcionários. Imagine quanto levam ficando com parte desses salários... Imagine se são quatro...

A essa altura, advogados devem estar queimando a cabeça para encontrar uma explicação plausível para ser apresentada ao público.

O mais provável é que empurrem com a barriga apostando que a notícia vai saindo da primeira página para as interiores, diminuindo dia a dia até que finalmente suma do noticiário, encoberta por anúncios do governo federal… 

Será que o povo adestrado com madeira de piroca e kit gay vai entubar mais essa?


O Blog do Mello é e vai continuar a ser de livre acesso a todos, e sem propaganda. Se o blog é relevante para você, considere apoiá-lo com uma assinatura. Apenas R$10

Você pode cancelar a assinatura a qualquer momento

Clique aqui e passe a receber notificações do Blog do Mello no seu WhatsApp
Você vai ser direcionado ao seu aplicativo e aí é só enviar e adicionar o número a seus contatos

Assine a newsletter do Blog do Mello

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou? Comente. Gostou muito? Comente também. Encontrou algum erro? Aponte.
E considere apoiar o blog, divulgando-o ou com uma assinatura mensal (apenas R$ 10) clicando aqui: https://pag.ae/7UhFfRvpq ou uma doação direto na conta: Banco do Brasil. Antonio Mello agência: 0525-8 conta: 35076-1
Obrigado