sexta-feira, 25 de janeiro de 2019

Entre Bolsonaro e Jean Wyllys, Israel fica com o primeiro

Jean Wyllys diante de Universidade em Israel

Embora o deputado do PSOL Jean Wyllys seja um dos principais defensores da política de Israel, pelo menos entre os de esquerda, os mais importantes jornais de Israel ignoraram completamente sua renúncia ao cargo por ameaças sofridas pelos seguidores e mesmo pela família do presidente eleito (por meio da prisão ilegal de Lula e de disparos também ilegais de fake news por WhatsApp) Jair Bolsonaro.

Wyllys se diz ameaçado de morte, está no exílio em país não divulgado, e não recebeu uma linha sequer dos jornais de Israel.

Os dirigentes também nada declararam, preferindo a companhia da turma machista, homofóbica, fascista.

Quem cala contra uma covardia, uma ameaça aos direitos de um homem, consente.


O Blog do Mello é e vai continuar a ser de livre acesso a todos, e sem propaganda. Se o blog é relevante para você, considere apoiá-lo com uma assinatura. Apenas R$10

Você pode cancelar a assinatura a qualquer momento

Clique aqui e passe a receber notificações do Blog do Mello no seu WhatsApp
Você vai ser direcionado ao seu aplicativo e aí é só enviar e adicionar o número a seus contatos

Assine a newsletter do Blog do Mello

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou? Comente. Gostou muito? Comente também. Encontrou algum erro? Aponte.
E considere apoiar o blog, divulgando-o ou com uma assinatura mensal (apenas R$ 10) clicando aqui: https://pag.ae/7UhFfRvpq ou uma doação direto na conta: Banco do Brasil. Antonio Mello agência: 0525-8 conta: 35076-1
Obrigado