terça-feira, 19 de fevereiro de 2019

Pra tirar foco do laranjal dos Bolsonaro, Lava Jato caça tucanos sem asas: Paulo Preto e Aloysio

Bolsonaro e o laranjal

A tradição de corrupção no PSDB vem praticamente desde sua fundação em 1988. Nos anos de FHC na presidência (1995-2002), cresceu de tal modo, especialmente com as privatizações, que um livro chegou a ser publicado sobre o assunto, A Privataria Tucana, onde se conta a festa dos tucanos com dinheiro público, tudo devidamente engavetado pelo chamado engavetador mor, o procurador-geral da República Geraldo Brindeiro.

Aliás, um dos maiores especialistas - se não o maior - em corrupção no Brasil, o ex-deputado Eduardo Cunha, afirmou que a corrupção na Petrobras começou a ficar escancarada a partir de uma medida tomada por Fernando Henrique Cardoso, que teria aberto as porteiras da corrupção.

No entanto, de FHC a Aécio, passando por Serra, Alckmin e outros menos citados, todo mundo está livre, leve e solto.

Agora, para tentar abafar o escândalo do laranjal que ameaça derrubar o governo Bolsonaro (eleito mediante fraude), a Lava Jato e a PF de Moro partem para cima de dois tucanos menores, os idosos inimputáveis Paulo Preto e Aloysio Nunes. Ambos acusados de corrupção. Um, preso, e outro com seus imóveis vasculhados pela polícia, "em busca de provas"...

Por que inimputáveis? Em primeiro lugar, porque são tucanos. E também porque um já tem 73 anos (Aloysio) e o outro fará 70 agora, em 7 de março. Pela idade, terão a prescrição de seus crimes reduzida a metade e dificilmente pegarão alguma sentença, a não ser essa pequena exposição à opinião pública.

Já o Aécio, aquele que foi flagrado pedindo dinheiro e dizendo que mataria alguém que desse com a língua nos dentes, esse continua solto.

A Lava Jato segue em sua missão de ser o braço armado do golpe, trabalhando sempre a melhor maneira de criá-lo, abastecê-lo e incentivá-lo, num timing perfeito, em que a cada ação que prejudique o golpe corresponda uma da Lava Jato que o confirme.

A ideia agora é tirar o foco do laranjal, da família Bolsonaro, Bebbiano, ministros, Queiroz e família..

O Blog do Mello é e vai continuar a ser de livre acesso a todos, e sem propaganda. Se o blog é relevante para você, considere apoiá-lo com uma assinatura. Apenas R$10

Você pode cancelar a assinatura a qualquer momento

Clique aqui e passe a receber notificações do Blog do Mello no seu WhatsApp
Você vai ser direcionado ao seu aplicativo e aí é só enviar e adicionar o número a seus contatos

Assine a newsletter do Blog do Mello

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou? Comente. Gostou muito? Comente também. Encontrou algum erro? Aponte.
E considere apoiar o blog, divulgando-o ou com uma assinatura mensal (apenas R$ 10) clicando aqui: https://pag.ae/7UhFfRvpq ou uma doação direto na conta: Banco do Brasil. Antonio Mello agência: 0525-8 conta: 35076-1
Obrigado