terça-feira, 2 de abril de 2019

Barroso anuncia crise, caso STF reveja 2ª instância e liberte Lula

Ministro Barroso

Num encontro no Estadão, o ministro do STF e ex-advogado da Abert (Associação Brasileira das Emissoras de Rádio e Televisão) Luís Roberto Barroso disse que o país pode entrar em crise, caso o STF reveja a possibilidade de prisão em segunda instância no próximo dia 10 de abril, quando está previsto ir a julgamento no Plenário.

Não importa se a prisão em segunda instância é ilegal e vai contra cláusula pétrea da Constituição, que diz que alguém só pode ser preso após sentença transitada em julgado, ou seja, após esgotados todos os recursos.

Mas, segundo Barroso, a Constituição é um detalhe, importante mesmo é “corresponder aos sentimentos da sociedade”.

“Você pode, eventualmente, ser contramajoritário, mas se repetidamente o Supremo não consegue corresponder aos sentimentos da sociedade, vai viver problema de deslegitimação e uma crise institucional”, disse Barroso, segundo o Estadão.

Resumindo, ou melhor, traduzindo a fala de Barroso quer dizer apenas o seguinte: Lula tem que continuar preso.

Com seu apoio o Blog do Mello é e vai continuar a ser de livre acesso a todos, e sem propaganda.



Para receber notificações do Blog do Mello no seu WhatsApp clique aqui
Você vai ser direcionado ao seu aplicativo e aí é só enviar e adicionar o número a seus contatos


Assine a newsletter do Blog do Mello

Um comentário:

  1. De um grande mequetrefe como esse "ilibado", não esperaria algo diferente...
    #CADEIAparaTODOSosGOLPISTASdos3PODRESpoderes!

    ResponderExcluir

Gostou? Comente. Gostou muito? Comente também. Encontrou algum erro? Aponte.
E considere apoiar o blog, divulgando-o ou com uma assinatura mensal (apenas R$ 10) clicando aqui: https://pag.ae/7UhFfRvpq ou uma doação direto na conta: Banco do Brasil. Antonio Mello agência: 0525-8 conta: 35076-1
Obrigado