quinta-feira, 18 de junho de 2020

Weintraub: Brigou com a China, professores, xingou ministros do STF, e resistiu. Bateu de frente com o Centrão, caiu

Weintraub

O agora ex-ministro da Educação Abraham Weintraub ofendeu a China, brigou e desrespeitou professores e reitores das Universidades públicas, xingou ministros do Supremo de vagabundos e disse que os mandaria para a cadeia, se tivesse poder para isso.

Nada disso abalou a permanência de Weintraub no cargo.

Mas aí sua arrogância e incompetência lhe subiram à cabeça e Weintraub cometeu o erro fatal de pensar que podia mais do que podia e bateu de frente com o Centrão, no exato instante em que Bolsonaro entrou em modo desespero e está entregando o governo de bandeja ao grupo para não ter sua cabeça decapitada na Câmara num processo de impeachment.

Escrevi sobre isso aqui em "Weintraub vai cair não por ser o imbecil que é, mas por dificultar entrega de fundo bilionário ao Centrão por Bolsonaro". Trecho:
É que Bolsonaro está entregando o governo nas mãos do Centrão para blindar-se no Congresso contra a chuva de pedidos de impeachment que dormem esmagados sob a cadeira do presidente da Câmara Rodrigo "Botafogo" Maia.

E o bilionário (R$ 54 bilhões por ano) Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) foi prometido por Bolsonaro ao Progressistas (PP).
Weintraub jogou duro e deu mole. O Centrão muda conforme o vento do poder, como mostrou ao virar o jogo e passar a apoiar o impeachment de Dilma, mesmo sem motivo para isso, conforme afirmava o próprio Cunha [veja isso aqui].

Há quem pense que o fator principal foi a agressão ao Supremo. Discordo. Bolsonaro e a maioria dos brasileiros pensa que o Supremo precisa do Congresso para cassá-lo via impeachment. E o TSE não terá coragem de anular sua eleição, por mais que fiquem provadas as inúmeras ilegalidades que existem contra a chapa. Tanto que já compareceu a manifestações com ataques ao STF.

O medo de Bolsonaro é do Centrão. Ele já pertenceu a esse baixo clero, que move a Câmara ao sabor dos ventos das emendas e da corrupção desenfreada. Comprando o Centrão, ele garante sua sobrevida —  pelo menos é o que imagina Bolsonaro.

Por isso Weintraub caiu.






Recentes:

Para receber notificações do Blog do Mello no seu WhatsApp clique aqui
(Apenas Assinantes)

Você vai ser direcionado ao seu aplicativo e aí é só enviar e adicionar o número a seus contatos


Assine a newsletter do Blog do Mello.
É grátis.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou? Comente. Gostou muito? Comente também. Encontrou algum erro? Aponte.
E considere apoiar o blog, divulgando-o ou com uma assinatura mensal (apenas R$ 10) clicando aqui: https://pag.ae/7UhFfRvpq ou uma doação direto na conta: Banco do Brasil. Antonio Mello agência: 0525-8 conta: 35076-1
Obrigado