sexta-feira, 10 de julho de 2020

Até colegas do STJ acham absurda decisão de prisão domiciliar para foragida mulher de Queiroz


Há um ditado popular que diz "Pense num absurdo. Na Bahia há precedente". Troque Bahia por governo Bolsonaro e o ditado fica atualizado.

Ministro da Educação analfabeto funcional. Presidente da Fundação Palmares contra Zumbi e movimento negro. Ministro do Meio Ambiente condenado por infrações ambientais.

Agora, o presidente do STJ, João Otavio de Noronha, que é de outro Poder, mas é mais governo do que muitos, dá a decisão histórica e absurda de conceder prisão domiciliar a uma fugitiva da Justiça, a mulher de Queiroz, Marcia, para que ela possa fazer companhia em casa ao marido.
Noronha negou em março um pedido Defensoria Pública do Ceará para tirar da cadeia presos de grupos de risco, como idosos e gestantes, em virtude da pandemia do novo coronavírus. A pandemia e o Estado de saúde de Queiroz foram argumentos usados pela defesa do ex-assessor de Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ) para retirá-lo do presídio de Bangu.
“Absurda”, “teratológica”, “uma vergonha”, “muito rara” e “disparate” foram alguns dos termos usados por ministros do STJ de diferentes alas ao analisar a decisão de Noronha. Nenhum deles quis se manifestar publicamente porque podem vir a julgar o caso. Um dos ministros disse à reportagem estar “em estado de choque” e desconhecer precedente do tribunal para dar prisão domiciliar a um foragido da Justiça, em referência à mulher de Queiroz. Outro lembrou que o ex-assessor parlamentar tinha orientado testemunhas e agido para prejudicar a investigação, o que justificaria a manutenção da prisão. [Estadão]
Noronha luta desavergonhadamente por uma das duas vagas no Supremo que poderão ser preenchidas por Bolsonaro — se não cair antes.

A decisão de Noronha deve ser revista logo após o retorno das férias do Judiciário.

O vídeo a seguir mostra o Queiroz "sofrendo" com a mulher e um amigo no último réveillon.





Para receber notificações do Blog do Mello no seu WhatsApp clique aqui
Você vai ser direcionado ao seu aplicativo e aí é só enviar e adicionar o número a seus contatos




Recentes:


Assine a newsletter do Blog do Mello.
É grátis.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou? Comente. Gostou muito? Comente também. Encontrou algum erro? Aponte.
E considere apoiar o blog, divulgando-o ou com uma assinatura mensal (apenas R$ 10) clicando aqui: https://pag.ae/7UhFfRvpq ou uma doação direto na conta: Banco do Brasil. Antonio Mello agência: 0525-8 conta: 35076-1
Obrigado