quinta-feira, 17 de dezembro de 2020

É vacina chinesa ou nada, pelo menos até o meio do ano que vem. E agora, Bolsonaro?


A aposta de Bolsonaro na vacina da Oxford-AstraZeneca, sua defesa da não vacinação e ataque à vacina chinesa acabou por deixá-lo diante desta realidade: é a vacina chinesa ou nenhuma outra, pelo menos até o meio do ano que vem.
 
Somente a Coronavac, fabricada no Brasil em parceria com o Instituto Butantan, estará disponível para o povo brasileiro no início do ano que vem. As demais não.
 
Pior, a vacina em que Bolsonaro apostou é a que está mais atrasada em seu desenvolvimento, pois cometeu erro de metodologia e está tendo de refazer procedimentos. Se der tudo certo, só estará disponível no segundo semestre do ano que vem.
 
As demais estão sem estoque, pois se comprometeram com países que saíram na frente, enquanto Bolsonaro e o general Cloroquina que comanda a Saúde seguiam em sua missão de disseminar o vírus e espalhar confusão para gerar o caos.
 
Resumindo: apenas a vacina chinesa estará disponível e é a ela que o governo vai ter que recorrer, em desespero, pois se há quem siga Bolsonaro e diga que não vai se vacinar, a maioria da população não aguenta mais e quer se vacinar o quanto antes. 
 
Inclusive a nora de Bolsonaro, Heloísa, mulher de Eduardo Bolsonaro, que disse que vacinará a filha e que movimento antivacina "é coisa de retardado"...

Não é coisa de retardado, é de ignorante e, no caso de Jair Bolsonaro, de genocida, porque ele, além do mais, já se infectou e teve COVID, portanto, em tese, está imune, sem precisar de vacina.
 
Enquanto isso, o Brasil voltou ontem ao patamar de mais de mil mortes diárias, o que só não foi oficialmente atingido (o número oficial foi de 936) porque São Paulo não entrou na conta por "problemas operacionais com o ministério da Saúde".
 
Enquanto Bolsonaro for presidente, o Brasil só verá destruição e morte. É o que a realidade nos mostra diariamente.
 
Isso irá até quando? Quando os políticos vão se reunir e dizer Basta e tirá-lo de lá, através de um impeachment?




Para receber notificações do Blog do Mello no seu WhatsApp clique aqui

Você vai ser direcionado ao seu aplicativo e aí é só enviar e adicionar o número a seus contatos




Recentes:


Assine a newsletter do Blog do Mello.
É grátis.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou? Comente. Gostou muito? Comente também. Encontrou algum erro? Aponte.
E considere apoiar o blog, divulgando-o ou com uma colaboração pelo PIX blogdomello@gmail.com