sexta-feira, 17 de setembro de 2021

Prevent Senior, a digital nazista do governo Bolsonaro?

Um dos maiores monstros do monstruoso período nazista da Alemanha de Hitler foi o médico Joseph Mengele, que no campo de concentração de Auschwitz realizava experimentos com seres humanos. Mengele, que conseguiu fugir de Nuremberg, viveu e morreu no Brasil durante 19 anos.
 
É em Mengele que se pensa quando se lê relatos de médicos que trabalharam para o Prevent Senior, plano de saúde e rede hospitalar direcionado a idosos. Foi no hospital Sancta Maggiore, da rede, que morreu a primeira vítima de COVID no Brasil, em 8 de março do ano passado. Foi lá também que poucos dias depois se verificou um grande número de casos não notificados de COVID. 
 
O que parecia apenas incompetência, por relatos de médicos hoje, descobre-se que era um experimento com uso do Kit Covid em cobaias humanas, incentivado por Jair Bolsonaro, que chegou a fazer propaganda do grupo em rede nacional. 
 
Pelo relato de médicos, a rede Prevent Senior fez um acordo com o governo Bolsonaro para realizar experimentos com tratamentos médicos, sem eficácia comprovada contra o vírus causador da doença, sem avisar aos pacientes que estava utilizando os procedimentos; em resumo, como Mengele, usando seres humanos como cobaias para seus experimentos.
 
Ontem, quando teve oportunidade de ir à CPI da COVID se defender das acusações, o diretor-executivo da Prevent Senior, Pedro Batista Júnior, representante do grupo, faltou à audiência.
 
Comprovadas as acusações, a última ponte que faltava para ligar Bolsonaro ao nazismo vai estar feita e deve se juntar aos mais de 130 pedidos de impeachment do genocida, que adormecem sob a cumplicidade fartamente remunerada do presidente da Câmara Arthur Lira.
 
[Na imagem que ilustra a postagem, o sorridente Bolsonaro ao lado da deputada Beatrix von Storch, vice-presidente do partido neonazista Alternativa para a Alemanha (AfD) e seu marido. Ela é neta do ministro das Finanças de Hitler, Lutz Graf Schwerin von Krosigk]





Para receber notificações do Blog do Mello no seu WhatsApp clique aqui

Você vai ser direcionado ao seu aplicativo e aí é só enviar e adicionar o número a seus contatos



Recentes:


Assine a newsletter do Blog do Mello.
É grátis.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou? Comente. Encontrou algum erro? Aponte.
E considere apoiar o blog, um dos poucos sem popups de anúncios, que vive apenas do trabalho do blogueiro e da contribuição dos leitores.
Colabore via PIX pela chave: blogdomello@gmail.com
Obrigado.