sábado, 9 de abril de 2022

WikiLeaks dá como certo que justiça britânica irá aprovar extradição de Assange para os EUA

Em publicação fixada em seu perfil no Twitter, o WikiLeaks informa que a justiça britânica decidirá, no próximo dia 20, pela autorização da extradição de Julian Assange para os Estados Unidos.

A partir daí o caso vai para a ministra do Interior, a conservadora Priti Patel, que todos apostam que vai dar o Ok para que o líder do WikiLeaks seja extraditado e apodreça numa solitária nos Estados Unidos pelo "crime" de ter denunciado crimes de guerra dos EUA e aliados —entre eles o próprio Reino Unido.A defesa de Assange tem até o dia 18 de maio para recorrer à Suprema Corte. 

Assim Julian vai sendo mantido preso, isolado do mundo, em Belmarsh, Londres, UK, ou numa prisão de segurança máxima dos EUA, para servir de exemplo para que ninguém mais se atreva a revelar crimes de guerra do "Ocidente democrático e cristão".

Até divulgação de imagens atuais de Julian Assange estão proibidas. Ninguém teve acesso a fotos de seu recente casamento com a mãe de seus dois filhos Stella Moris, simplesmente porque foram proibidas. O que se sabe de Assange é o que Stella informa. E é triste.

Ativistas, médicos, advogados já enviaram cartas a Priti Patel, em favor da liberdade de Julian Assange.

#FreeAssangeNow

Assine o Blog do Mello



Para receber notificações do Blog do Mello no seu WhatsApp clique aqui
Você vai ser direcionado ao seu aplicativo e aí é só enviar e adicionar o número a seus contatos


Recentes:


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou? Comente. Encontrou algum erro? Aponte.
E considere apoiar o blog, um dos poucos sem popups de anúncios, que vive apenas do trabalho do blogueiro e da contribuição dos leitores.
Colabore via PIX pela chave: blogdomello@gmail.com
Obrigado.