quarta-feira, 28 de agosto de 2019

Gilmar Mendes sobe o tom com turma da Lava Jato: 'Gente com mente muito obscura... gente ordinária, se achavam soberanos'

Gilmar Mendes


Gilmar Mendes indignado com procuradores e o papel do Supremo na Lava Jato


A mais recente reportagem da Vaza Jato, desta vez uma parceria do Intercept com o UOL, causou indignação geral.

A falta de empatia dos procuradores, que zombavam e faziam pouco da dor do presidente Lula nos episódios das mortes de dona Marisa, do irmão Vavá e do netinho Arthur, de apenas sete anos.

O ministro Gilmar Mendes foi um dos que ficaram indignados com a turma da Lava Jato e subiu o tom, confessando envergonhado que o STF tem parcela de culpa nos desmandos da Operação comandada pelo justiceiro de Curitiba Sergio Moro e o procurador de deus Deltan Dallagnol.
Segundo o ministro, ao homologar delações da Lava Jato o Supremo também carimbou as supostas irregularidades que teriam sido praticadas pelos procuradores.
“É um grande vexame e participamos disso. Somos cúmplices dessa gente. Homologamos delação. É altamente constrangedor. Todos nós que participamos disso temos que dizer ‘nós falhamos’, disparou o ministro. “A República de Curitiba nada tem de republicana, era uma ditadura completa. (…) Assumiram papel de imperadores absolutos. Gente com uma mente muito obscura. (…) Que gente ordinária, se achavam soberanos”, completou.
Para o ministro, os procuradores são corruptos. “Gente sem nenhuma maturidade. Corrupta na expressão do termo. Não é só vender função por dinheiro. Violaram o Código Processo Penal”.
“Descemos demais na escala das degradações. Gente que tem que ter imparcialidade, que tem que ter decência e tem a obrigação de não fazer sobre a acusação um excesso, fazendo esse tipo de coisa”.
O ministro citou a nova matéria do caso apontando que os procuradores teriam tratado, por mensagens, do luto do ex-presidente Lula diante da morte da ex-primeira-dama Marisa Letícia, de seu irmão Vavá e do seu neto Arthur. [Jota]

Ajude o Mello a tocar o blog. Faça uma assinatura. É seguro, rápido e fácil
Sua assinatura faz a diferença e ajuda a manter o blog
Apenas R$ 10. Todos os cartões são aceitos. Você pode cancelar a assinatura a qualquer momento




Leia também:
Para receber notificações do Blog do Mello no seu WhatsApp clique aqui
Você vai ser direcionado ao seu aplicativo e aí é só enviar e adicionar o número a seus contatos


Assine a newsletter do Blog do Mello

Um comentário:

  1. Amei, estou com fogos guardados esperando a soltura, liberdade do meu presidente

    ResponderExcluir

Gostou? Comente. Gostou muito? Comente também. Encontrou algum erro? Aponte.
E considere apoiar o blog, divulgando-o ou com uma assinatura mensal (apenas R$ 10) clicando aqui: https://pag.ae/7UhFfRvpq ou uma doação direto na conta: Banco do Brasil. Antonio Mello agência: 0525-8 conta: 35076-1
Obrigado