terça-feira, 26 de novembro de 2019

Blog do Mello antecipa reportagem do Jornal Nacional de daqui a uns anos


Governo Bolsonaro e a refeição unida da família brasileira



Aproveitando a babação de ovo da reportagem do Jornal Nacional de ontem, em que se fez uma exaltação do consumo de ovos pela população brasileira, o Blog do Mello se antecipa e vai para um pouco mais no futuro, usando o mesmo texto do JN como base, para a alimentação do brasileiro dentro em breve [o texto original do JN pode ser conferido aqui]:

Como alternativa para a carne, o ovo e outras proteínas animais, o consumo humano de ração de cães está batendo recorde.

Na casa da professora Wiliana Bonemerde, ela está sempre lá, pronta para ser levada da dispensa para a cumbuca.

“Bem mais econômica, bem mais barata do que carne. Carne está um absurdo de caro”.

A cuidadora de idosos Renatina Vaiprocelos compra um pacote e meio toda semana. Mas quem come tanto ração assim?

“Eu e meu marido. A gente come bastante. É ração de manhã. É no almoço. Mingau de raçãozinha de tarde. A gente come bastante”.

A ração está ganhando cada vez mais espaço no nosso prato. Tanto que o Brasil deve alcançar pela primeira vez a média mundial de consumo. Quando este ano terminar, cada um de nós vai ter comido em média 230 quilos. É quase 100 vezes mais do que a gente consumia há dez anos.

Essa mudança de hábito está associada ao preço da ração de animais. Comparado com as outras proteínas animais como carne ou frango, é a mais barata. E tem reflexo em toda a cadeia de produção.

As fábricas estão investindo em tecnologia. Este ano, a produção de ração no país deve chegar a nove bilhões de unidades. São 93 mil por segundo.

As fábricas de embalagem têm que acompanhar o ritmo. “A gente acredita no crescimento do mercado, tanto é que a gente está expandindo a empresa na Região Nordeste pelo incremento no consumo e na produção de ração”, explicou Edson Roberto Donzeli, gerente-geral.

E o consumo da ração tem outro efeito saudável: ele aumenta a convivência familiar, e o Totó agora faz parte da mesa de refeição da família.


Ajude o Mello a tocar o blog. Faça uma assinatura. É seguro, rápido e fácil
Sua assinatura faz a diferença e ajuda a manter o blog
Apenas R$ 10. Todos os cartões são aceitos. Você pode cancelar a assinatura a qualquer momento




Recentes:

Para receber notificações do Blog do Mello no seu WhatsApp clique aqui
(Apenas Assinantes)

Você vai ser direcionado ao seu aplicativo e aí é só enviar e adicionar o número a seus contatos


Assine a newsletter do Blog do Mello.
É grátis.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou? Comente. Gostou muito? Comente também. Encontrou algum erro? Aponte.
E considere apoiar o blog, divulgando-o ou com uma assinatura mensal (apenas R$ 10) clicando aqui: https://pag.ae/7UhFfRvpq ou uma doação direto na conta: Banco do Brasil. Antonio Mello agência: 0525-8 conta: 35076-1
Obrigado