quarta-feira, 3 de junho de 2020

Nos EUA, ação coletiva cobra US$ 5 bilhões do Google por invasão de privacidade


Uma ação coletiva foi impetrada na Justiça dos Estados Unidos contra a Alphabet, controladora de várias empresas do grupo Google, inclusive o próprio.

Motivo: Desde 2016 o Google acessa, sem avisar aos internautas, informações de navegação, até quando o usuário opta pela navegação privada de seu browser.
De acordo com o processo, o Google coleta informações sobre o que as pessoas veem on-line e onde navegam por meio de: Google Analytics, Google Ad Manager e outros aplicativos e plugins de sites, incluindo alguns para smartphones, independentemente de os usuários clicarem em anúncios compatíveis com o Google.
A gigante capitalista e o Facebook controlam a distribuição (e o faturamento) da publicidade no mundo.

E invadem nossa privacidade, manobram o que vamos ver, resultado de pesquisas, timeline de postagens, ao sabor de seus algoritmos.

Em janeiro de 2017, publiquei aqui "Facebook está enriquecendo o Zuckerberg, mas pode acabar com a informação alternativa — se você deixar":
Saiu há dias uma lista que aponta que apenas oito dos maiores bilionários do mundo possuem renda maior que 50% da humanidade. Entre esses oito, em sexto lugar, está Mark Zuckerberg, do Facebook.
E o que produz Zuckerberg? Nada. Ele criou um aplicativo e nós trabalhamos para ele , alimentando-o com conteúdo, gratuitamente, na maioria dos casos, mas, às vezes, até pagando para trabalhar para ele, com as páginas patrocinadas.

Até aí, ótimo para ele e seus sócios, que estão bilionários (entre eles, Eduardo Saverin, cofundador do Facebook, um dos seis maiores bilionários do Brasil).

Visto com os olhos de quem apenas o usa como ferramenta de comunicação e ação entre amigos, o Facebook é uma ideia genial.

O problema está no lado B do Facebook . O Facebook é opaco. O que está nele fica nele, morre nele.  Só se pode pesquisar nele. E as pesquisas dentro dele são muito restritivas. Muitas vezes não conseguimos encontrar algo que nós mesmos publicamos.

Outro problema é que ele nos habituou a entregar tudo de mão beijada. Não escolhemos o que vamos ler ou ver. Ele escolhe por nós com seus algoritmos. E esses algoritmos costumam punir aqueles que produzem conteúdo no Facebook com link para página externa a ele. O Face não quer que você saia dele e pune quem tenta "desviá-lo do caminho".

Também com esse "prato feito" que nos entrega, o Facebook nos tornou manhosos, preguiçosos. Pra que ler textão? Pra que seguir link? Vejo depois…

Isso enche os bolsos de Zucka e seus sócios. Mas pode acabar com a comunicação alternativa. Porque as pessoas têm preguiça de seguir links. Querem que você publique todo o seu conteúdo no Facebook. Só que isso enriquece o Face e mata os blogs e sites alternativos, que precisam de visitação para sobreviver.

Por isso, uma das formas de apoiar a comunicação alternativa é visitar os sites e blogs, seguir os links. Não ficar preso apenas ao Facebook.

O que vou dizer agora pode parecer absurdo, mas quem acompanhou o sucesso incrível do Orkut no Brasil, sabe do que estou falando. Mais dia, menos dia, o Facebook vai acabar. Vai surgir outro aplicativo que vai derrubá-lo . E todo o conteúdo que há nele vai ser perdido. Já pensou nisso? Não adianta procurar no Google, o Facebook é opaco. O Google não consegue ler o Facebook.

E aí, pode ser que você procure o "lado de fora" do Face para se informar e não encontre nada. Porque ele é um buraco negro que a tudo devora.

Pense nisso.






Recentes:

Para receber notificações do Blog do Mello no seu WhatsApp clique aqui
(Apenas Assinantes)

Você vai ser direcionado ao seu aplicativo e aí é só enviar e adicionar o número a seus contatos


Assine a newsletter do Blog do Mello.
É grátis.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou? Comente. Gostou muito? Comente também. Encontrou algum erro? Aponte.
E considere apoiar o blog, divulgando-o ou com uma assinatura mensal (apenas R$ 10) clicando aqui: https://pag.ae/7UhFfRvpq ou uma doação direto na conta: Banco do Brasil. Antonio Mello agência: 0525-8 conta: 35076-1
Obrigado