terça-feira, 12 de janeiro de 2021

Bolsonaro manda enfiar cloroquina goela abaixo de pacientes em Manaus para tentar se livrar de crime de improbidade administrativa


Através de seu pau mandado, o general Cloroquina que ocupa o ministério da Saúde, Bolsonaro mandou enfiar goela abaixo cloroquina em todos os pacientes de COVID de Manaus. Embora o mundo inteiro tenha abandonado o medicamento por não ter eficácia alguma contra a COVID e ainda cause efeitos colaterais que podem levar à morte do paciente.
 
Bolsonaro sabe disso. O general Cloroquina também. Mas eles fizeram a burrada (vamos supor que seja só burrice, não tenha nenhum jabá no negócio) de comprar cloroquina numa quantidade tal que dá para abastecer as necessidades do país (a cloroquina serve para a malária, por exemplo, mas não para a COVID) por 18 anos. É crime.

Então o negócio é enfiar cloroquina nos pacientes de COVID para tentar fugir de um processo por improbidade administrativa, que é motivo elencado na Constituição para seu impeachment.
 
O povo que se... Afinal, "todo mundo vai morrer um dia"...
 
Veja a carta do ministério da Saúde à secretaria de Saúde de Manaus com a mentira de que existe comprovação científica para o uso da cloroquina (é o oposto) e dizendo que é "inadmissível" que a secretaria não ministre o medicamento aos pacientes.
 
Criminosos e mentirosos. Com assinatura. Confira.





Para receber notificações do Blog do Mello no seu WhatsApp clique aqui

Você vai ser direcionado ao seu aplicativo e aí é só enviar e adicionar o número a seus contatos




Recentes:


Assine a newsletter do Blog do Mello.
É grátis.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou? Comente. Encontrou algum erro? Aponte.
E considere apoiar o blog, um dos poucos sem popups de anúncios, que vive apenas do trabalho do blogueiro e da contribuição dos leitores.
Colabore via PIX pela chave: blogdomello@gmail.com
Obrigado.